Óleo de rícino para a pele e o cabelo - o agente infalível para as missões especiais

Óleo de rícino para a pele e o cabelo - o agente infalível para as missões especiais

O óleo de rícino não é tão conhecido nas regiões mais orientais e tropicais, no entanto, na maior parte da Europa e América do Norte, este cosmético bate recordes de popularidade. Afinal de contas, é um produto atípico e invulgar, mesmo no mundo dos óleos naturais. Basta escrever a seguinte frase no seu motor de busca: "preço do óleo de rícino". Fica a conhecer imediatamente a sua primeira característica essencial (mas não a mais importante). O óleo de rícino é muito barato em comparação com outros óleos disponíveis no mercado dos cosméticos. Portanto, se está a pensar em adquirir o seu primeiro óleo e quer experimentar o tratamento com óleo ou reparar as suas unhas e sobrancelhas a um preço baixo, opte pelo óleo de rícino. Este é um condicionador de unhas e cabelo e um sérum de sobrancelhas e pestanas acessível e eficaz.

INCI do óleo de rícino: Ricinus Communis Seed Oil

Óleo de rícino - utilizações

O óleo de rícino é produzido a partir das sementes da mamona, ou rícino. É um óleo muito denso e rico, que é bastante difícil de aplicar no cabelo e de o remover. Mas não faz mal, pois os seus efeitos surpreendentes compensam por completo estes pequenos inconvenientes. Além disso, resulta não só no cabelo, mas também nas sobrancelhas, pestanas e unhas. É um condicionador barato que também funciona como uma base de maquilhagem fantástica, removendo misturas de óleo utilizadas no OCM (método de limpeza com óleo). Supera todos os outros óleos como remédio para cabelos fracos e cada vez mais finos. O óleo de rícino é o tratamento ideal para os cabelos que necessitam de reforço e não crescem.

O óleo de rícino é espesso, gorduroso e por vezes é difícil de remover. A solução ideal é combinar o óleo de rícino com outros óleos que podem ser aplicados no cabelo. Não só irão suportar os efeitos do óleo de rícino e fornecer ingredientes adicionais ao cabelo, como também irão facilitar a aplicação, pois sua consistência espessa será diluída. O  Nanoil para cabelos pouco porosos contém um equilíbrio de óleos naturais cuidadosamente selecionados, entre os quais o óleo de rícino domina com orgulho. Tem sido reconhecido e elogiado devido às suas propriedades medicinais e efeitos benéficos para o couro cabeludo.

Ingredientes e efeito do óleo de rícino

O óleo de rícino funciona como um médico: cura o cabelo, as unhas e as sobrancelhas de quaisquer doenças. Utilizado regularmente, deixa os fios mais macios, brilhantes e cheios de vitalidade. É apreciado principalmente porque também cuida do couro cabeludo: ajuda a eliminar a caspa e cura muitas doenças do couro cabeludo. Além disso, estimula o crescimento capilar e previne a queda. Ajuda a cuidar a psoríase e melhora o funcionamento das glândulas sebácias.

Quando comprar óleo de rícino, lembre-se que apenas o óleo de rícino extraído a frio contém os ingredientes condicionadores de pele e cabelo mais preciosos. Destaca-se dos restantes óleos devido às suas qualidades invulgares. O seu incrível efeito reparador é visível logo após a primeira aplicação no cabelo: aparência melhorada, cor intensa, queda de cabelo reduzida. Quanto tempo demora a alcançar a regeneração geral do cabelo? Tudo depende do estado do cabelo e da extensão dos seus danos. No entanto, o óleo de rícino deixa o cabelo fortalecido cerca de um mês após a sua utilização regular.

O óleo de rícino é constituído por 90% de ácido gordo orgânico, conhecido como ácido ricinoleico. Caracteriza-se pelo seu pequeno peso molecular e é rapidamente absorvido pelos cabelos pouco porosos. Além disso, estimula o crescimento do cabelo, previne a sua queda e apresenta propriedades antimicrobianas. Desinfeta e acalma quaisquer irritações, purifica e protege a pele. O produto impede o desenvolvimento de bactérias na superfície do couro cabeludo e ajuda a combater a caspa, assim como outras doenças do couro cabeludo. Também elimina a secura excessiva da pele, equilibra a barreira hidrolipídica no couro cabeludo e fortalece os bulbos capilares. Além disso, cicatriza e regenera o cabelo a partir da sua base, e é um dos poucos óleos que proporciona um brilho muito natural aos fios, deixando-os ao mesmo tempo sedosos.

Porque deve usar óleo de rícino?

  • é barato e apresenta longa duração
  • repara as unhas mesmo depois de retirar o gel
  • condiciona e fortalece as pestanas e as sobrancelhas
  • é um óleo de base para o método de limpeza com óleo
  • deixa a pele impecavelmente limpa e equilibra a secreção de óleo
  • combate a quede do cabelo
  • estimula o crescimento do cabelo
  • intensifica a cor do cabelo e evita o seu desvanecimento

Óleo de rícino para o cabelo - receita, utilização e aplicação

O óleo de rícino deve ser usado em cabelo seco ou molhado? No início da jornada  de aplicação de óleos no cabelo, esta é provavelmente a pergunta mais comum que todas as mulheres colocam a si próprias. O principal aspeto a considerar antes da primeira aplicação é que a sua fórmula é muito espessa e não deve ser usada em demasia. Ao mesmo tempo, esta característica faz com que o óleo dure muito tempo.

O óleo pode ser aplicado no cabelo seco e (principalmente) no couro cabeludo. Aplique óleo de rícino no couro cabeludo e no cabelo, deixe atuar entre 15 minutos e algumas horas (neste aspeto, é livre para decidir o tempo que pode investir no tratamento capilar com óleo de rícino). Após o período de tempo necessário, basta lavar o cabelo e retirar o óleo. O óleo aumenta o brilho, hidrata o cabelo e melhora a sua cor.

Se o seu cabelo estiver muito danificado e precisar de uma regeneração completa, o óleo de rícino será melhor e mais rapidamente absorvido se for aplicado no cabelo húmido. Pode molhar ligeiramente o seu couro cabeludo e os fios. As cutículas do cabelo húmido levantam, possibilitando a entrada direta dos óleos e de outras substâncias preciosas no interior do cabelo.

No que toca à remoção do produto, inicialmente, pode parecer um pouco complicado. Para retirar o óleo de rícino, deve emulsificá-lo com o seu condicionador de cabelo normal. Aplique-o diretamente no cabelo antes de o lavar e aguarde alguns minutos. Pode massajar suavemente o couro cabeludo e os fios. Como resultado, torna-se mais fácil de remover o óleo e não deixa uma película oleosa nos fios de cabelo. Esta é uma opção muito boa se aplicar demasiado óleo sem querer. Além disso, a junção de condicionador de cabelo e óleo constitui a fase seguinte da nutrição do seu cabelo.

Também pode lavar o cabelo usando um champô comum. No entanto, tenha em mente que todos os óleos naturais preferem champôs sem silicones, parabenos, substâncias comedogénicas ou SLS, SLES. As substâncias químicas artificiais perturbam e enfraquecem ligeiramente os efeitos do tratamento com óleo capilar. Neste caso, um champô suave para bebé será o mais adequado para remover o óleo de rícino do seu cabelo.

Óleo de rícino para as sobrancelhas e pestanas

Deve aplicar óleo de rícino nas pestanas e sobrancelhas usando um aplicador de óleo de rícino antigo e limpo ou um cotonete. Utilize o mínimo possível para evitar que entre nos olhos e cause vermelhidão ou irritação. Quais os efeitos do tratamento? Pestanas e sobrancelhas mais escuras, mais longas e mais espessas.

Óleo de rícino para as unhas

Esfregue óleo de rícino puro e extraído a frio nas suas unhas e cutículas todas as noites. O óleo fortalece até mesmo as unhas extremamente fracas e danificadas por géis. Adicione este produto a um banho de pés ou mãos para nutrir a pele e reparar as unhas quebradiças. Este óleo faz com que os cremes de mãos e pés funcionem mais eficazmente: misture algumas gotas de óleo com um creme e distribua bem pela pele.

Opiniões sobre óleo de rícino

Óleo insubstituível nos cuidados da pele e do cabelo. O óleo de rícino é seguro e, portanto, pode ser aplicado no cabelo, sobrancelhas e pele. Dura muito tempo. O preço é verdadeiramente baixo, por isso não admira que receba críticas tão elogiosas como um estimulante do crescimento capilar, tratamento de sobrancelhas ou unhas. Além disso, é um ótimo desmaquilhante. Pode misturar o seu óleo de rícino com cremes hidratantes e  cremes de olhos, mas vai adorar aplicá-lo no seu cabelo. E o seu cabelo vai adorar também, isso é certo.

Sinta-se à vontade para partilhar connosco a sua opinião sobre o artigo.


Comentários: #0


Adicione o seu comentário. Será publicado assim que for aprovado pelo moderador.
Óleo de rícino
Spray de proteção térmica
Óleo de jojoba
Óleo de argão
Sérum facial com vitamina C
Política de Privacidade

O nosso website utiliza cookies, incluindo cookies de terceiros para utilização de ferramentas externas. Se o utilizador não der o seu consentimento, apenas os cookies essenciais serão utilizados. Pode mudar as definições no seu navegador a qualquer altura. Autoriza a utilização de todos os cookies?

Política de Privacidade